sexta-feira, 3 de maio de 2013

Receita da semana: pescoço de carneiro com mostarda e hortelã acompanhado de polenta de parmesão

Pra inaugurar as receitas salgadas do blog, o delicioso carneiro com mostarda e hortelã, acompanhado de polenta de parmesão, que o Luis fez para receber uns amigos brasileiros.

Começamos com o carneiro. Ele usou pescoço, que tem bastante osso e uma carne deliciosa que vai ficar derretendo, mas talvez seja difícil de encontrar o pescoço no Brasil, então dá pra substituir por uma paleta, ok? Ou então, se você não gostar de carneiro, também dá pra fazer com coxa de frango.

Os ingredientes:

Pescoço de carneiro inteiro (1 pedaço por pessoa)
Mostarda (da boa! Não vai colocar mostarda da Turma da Mônica que não vai ficar bom!), molho Worcester, molho de soja, pimenta negra (moída na hora fica bem melhor), sal e azeite de oliva.
Hortelã (ou menta) - algumas folhas inteiras e algumas picadas
 Comece temperando o carneiro com sal e pimenta:


Depois, doure cada pedaço com um pouco de azeite de oliva.


Depois de dourados, retire da frigideira e unte com a mostarda.


Misture o molho de soja, o molho Worcester e o azeite de oliva e coloque junto com os carneiros em uma assadeira.


Coloque algumas folhas de hortelã inteiras por cima e leve ao forno.


O carneiro vai ter que ficar cerca de 3h no forno. Depois que estiverem prontos, leve ao fogo mais um pouco da mistura dos molhos (soja, Worcester e azeite) com hortelã picada, jogue a mistura por cima do carneiro, e está pronto para servir!




 Agora, a polenta.

Farinha de polenta (usamos a instantânea porque foi a única que encontramos por aqui, mas é claro que com a tradicional fica muito melhor), queijo parmesão ou grana (ralado na hora, de pacotinho nunca!) e nata.
Faça a polenta normalmente: adicione a farinha aos poucos na água fervendo e mexa, mexa, mexa. Quando estiver quase pronta, adicione a nata pra deixar ela mais cremosa e depois o queijo.


Coloque em uma assadeira com mais parmesão por cima e reserve.

Quando o carneiro estiver quase pronto para servir, leve a polenta ao forno. Uns 15 a 20 minutos é o tempo ideal pra ela ficar douradinha.

Daí é só servir as duas delicinhas e deixar todo mundo feliz!


A Jayne, amiga de Curitiba, não me deixa mentir:



Nenhum comentário:

Postar um comentário